A Batalha pela Neutralidade da Rede parece com as Gangues …. Nunca morre.

A Batalha pela Neutralidade da Rede parece com as Gangues …. Nunca morre.

“artigo retirado do AVG Official Blogs”
por Harvey Anderson

 

neutrality-710x315

 

 

Hoje as empresas e organizações de interesse público em todo os Estados Unido estão pressionando a Comissão Federal de Comunicações dos Estados Unidos para manter o princípio da neutralidade da rede na Internet. Esta batalha já se arrasta por muitos anos com diferentes interesses tentando criar políticas públicas que melhor atendem aos seus próprios objetivos empresariais. Isto não é intrinsecamente ruim, exceto quando se dá às custas dos usuários e interesses públicos mais amplos. ISPs e provedores de cabo estão propondo um esquema que permitiria sites e prestadores de serviços  pagar mais para que seus sites sejam acessados ​​mais rapidamente por usuários on-line, criando efetivamente uma “via rápida” e uma “pista lenta” na Internet. Esta é uma boa ideia se você pode pagar e você está na pista rápida, mas infelizmente para aqueles que não podem pagar, seus usuários (talvez você e eu) provavelmente terão uma experiência degradada e mais lenta na Internet. Ele também fará com que os sites e serviços  que não podem pagar se tornem menos competitivo e acelerará ainda mais o fosso digital.

 

A neutralidade da rede é um princípio fundamental  que permitiu o funcionamento da  Internet por um longo tempo. Ela garante que todo o conteúdo é tratado de forma igual e sem discriminação por aqueles que transmitem os bits. Por exemplo, imagine se a Comcast, a maior ISP, concretizasse  a proposta de fusão com a Time Warner, o segundo maior ISP (e que também é proprietária HBO):ela poderia tornar o acesso on-line para os seus próprios conteúdos HBO mais rápido do que outros conteúdos de vídeo fornecidas pelos seus concorrentes como a Apple, Netflix, Roku. Suponha que eles não gostem de  editoriais que sejam críticos em relação à sua organização, e tornem mais difícil para as pessoas acessá-los, tornando-o lento. A Internet não funcionaria e nós não teríamos o robusto mercado de ideias que a Internet nos proporciona. É claro que existem  requisitos de gerenciamento de rede razoáveis ​​que podem entrar em conflito com o objetivo ideológico, mas a neutralidade da rede como princípio permite a Internet realizar o seu potencial como um meio de informação que fornece um rico, sem censura, embora às vezes confuso,  conjunto diversificado de ideias e informações .

 

Hoje, o AVG juntou-se a muitos outros na campanha ” Internet Slowdown ” para incentivar a FCC a tomar uma posição e rejeitar políticas que possam prejudicar a neutralidade da rede. E, assim como no filme “Colors” se você não agir, esse problema nunca vai morrer. Você pode aprender mais neste infográfico bacana chamado “Um Guia para a Internet aberta” ou descobrir como fazer sua voz ser ouvida em “Luta pelo Futuro”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *