Fique atento, fique protegido

Receba as últimas notícias, informações e tendências sobre as suas necessidades de segurança.

Os detalhados alertas de vírus, as últimas dicas e sugestões de como se proteger e pontos de vista da equipe AVG te ajudarão a ficar um passo à frente dos cibercriminosos.

Siga-nos no Facebook Siga-nos no Twitter

Eles sabem onde você está e aonde você vai!

“artigo retirado do AVG Official Blogs”
por Tony Anscombe

 

They know where you are and where you go!

 

Na semana passada, a enxurrada constante de informações do Edward Snowden revelou que a agência de espionagem eletrônica do Canadá coletou dados de viajantes através de pontos de acesso Wi-Fi gratuito do aeroporto. Não está claro a partir na divulgação o método exato usado, mas eu tenho certeza que o fato de eles terem feito isso (e podem muito bem ainda estar fazendo) desperta a preocupação de muitos viajantes.

 

Rastrear em aeroportos aonde as pessoas vão não é algo novo.

 

Qualquer pessoa que carrega um passaporte com o sinal biométrico (abaixo) na parte da frente já tem o potencial de ser rastreado em um aeroporto, e hoje em dia, é a maioria de nós.

 

Biometric

 

O passaporte inclui a tecnologia de cartão inteligente sem contato, um processador e uma antena embutida na tampa, permitindo que o passaporte possa ser lido remotamente.

 

Embora isto seja projetado para pequenas distâncias, com o equipamento certo o alcance de detecção pode ser prorrogado. Isso torna bastante fácil identificar onde um viajante, ou pelo menos seu passaporte, está em um determinado momento.

 

Junte esse rastreamento sem fio com o fato de que os aeroportos estão cheios de CCTV (circuitos fechados de televisão) e podem de forma realista rastrear os viajantes sem passaportes inteligentes, levanta a questão de por que as autoridades precisam também rastreá-lo via Wi-Fi quando eles já sabem onde você está. Vou deixar que você tire suas próprias conclusões aqui.

 

No final de 2013, a AVG lançou o Wi-Fi Do Not Track, e deixou claro para muitas pessoas o risco do rastreamento Wi-Fi, uma vez que era uma questão pouco conhecida e limitada a alguns varejistas.

 

Em termos muito simples, se você colocar um monte de pontos de acesso Wi-Fi e alguém passa com o seu smartphone que está continuamente à procura de conexões Wi-Fi, você pode acompanhar o movimento do usuário pelas redes que conversam com o seu dispositivo. Alguns varejistas e shoppings já perceberam que, ao fazer isso, você pode acompanhar os hábitos de compras e potencialmente usar as informações para enviar anúncios diretamente para o seu aparelho.

 

A revelação de que uma agência oficial do governo também está usando Wi-Fi para rastrear usuários mostra que a tecnologia é claramente uma forma interessante de acompanhar pessoas. Na verdade, o artigo revelando que o Canadá estava fazendo isso sugere que o monitoramento começou em um aeroporto e poderia acompanhar também a pessoa em locais fora do aeroporto através de Wi-Fi.

 

O AVG Wi-Fi Do Not Track está disponível como parte do produto AVG PrivacyFix e fornece funcionalidade que permite ao usuário definir locais confiáveis, como casa e trabalho. Ao andar fora desses locais o Wi-Fi é desativado automaticamente em seu dispositivo, a menos que seja ativado de forma explícita.

 

O AVG Wi-Fi Do Not Track, também ajuda a prolongar a vida da bateria já que dispositivo não utiliza a energia continuamente à procura de novas redes para se conectar.

 

Talvez com a divulgação da semana passada agora é a hora de baixar e instalar o Wi-Fi Do Not Track em seu telefone Android.

 

Você pode me seguir no Twitter @ TonyatAVG  e você pode encontrar o meu perfil do Google+ aqui.

 

Publicado em AVG, Segurança Doméstica por nigri em 11 de February de 2014.

Deixe seu comentário